Não, não estou falando de profissões. 

Esse é aquele tipo de ideia que me aparece literalmente do nada e resolvi escrever para ver no que vai dar, e para você entender com que tipo de mente está lidando do lado daqui. Não sei se pode ser considerado um meme, mas vamos fingir que sim. Sempre vejo todo mundo falando o que queria ser quando crescesse, descobri que tem um meme assim, aqui, mas nunca vi ninguém falando o que já foi - ou é - magicamente (?) falando. Vai saber. Então, essas são as cinco coisas que eu já quis ser - fui, e de vez em quando ainda sou:

Uma sereia

Eu sempre quis ser uma sereia. Influência tanto de A Pequena Sereia, quanto H2O Meninas Sereias, Aquamarine e do mito das sereias em si. Eu acredito em sereias e em tudo que desconheço. Toda vez que eu assistia H2O, eu me imaginava encontrando uma gruta mágica e me transformando na lua cheia. Momentos.

Uma fada

Para ser mais exata, eu queria fazer parte do Clube das Winx. Quando eu assistia, eu não queria ser uma delas, eu queria ser mais uma delas, e na minha cabeça eu era mesmo. Não sei qual seria meu poder, mas só de ter asas e poder voar, caras, isso era muito legal, e SEI QUE VOCÊ, VAI QUERER SER, UMA DE NÓS... WINX, QUANDO DAMOS NOSSAS MÃOS.

Uma princesa

Eu cresci sozinha, fui filha única até os 11 anos, então quando não estava brincando com meus primos, eu criava minhas próprias histórias, e em muitas delas eu era um princesa e meu quarto era meu próprio reino. Eu não era qualquer princesa, eu era A princesa, do meu próprio reino. Meu quarto que é numa casa normal, se transformava em torre e graças as grades na janela, deixava a coisa bem mais real. Spoiler: eu tive meu próprio unicórnio nessa época.

ps.: eu sei que Maria Antonieta foi uma rainha, mas você entendeu a referência.

Um pássaro

Sim, eu já quis ser um pássaro. Talvez por sempre querer voar. Eles são livres, sabem cantar e parecem sempre felizes. Eu provavelmente seria um passarinho, para condizer com meu tamanho. Corvo meramente ilustrativo.

Uma super-heroína

Talvez uma mistura de Lince Negra, com Jean Grey e Noturno: eu conseguiria atravessar paredes, voar e me teletransportar (!!!). Eu poderia dizer que sempre quis ser um Power Ranger, mas eu prefiro os mutantes aos super robôs. E só agora eu descobri que a Ellen Page fez a Lince Negra no filme do ano passado, #atualizada.


Eu espero que esse post tenha feito algum sentido, mas se não fez, tudo bem também. A imaginação, amigos, ela é incrível. Até a próxima!

Deixe um comentário