É sentar na mesma mesa de sempre todos os dias pois ela te lembra bons momentos e te dá nostalgia. É ler um livro em dois dias pois ele te prendeu o suficiente sem te deixar entediada. O lado bom da vida é o lado da parede e ao mesmo tempo ter do outro lado sua parede pessoal em forma de gente, quente, que te aquece durante a noite e te protege dos sonhos ruins, mesmo que ele continue dormindo e nem se dê conta que foi por isso que vocês viraram uma conchinha. O lado bom da vida é do lado de quem a gente ama mais a cada dia. É saber que aquela pessoa te ama de volta. É saber que mesmo tendo de ir ela sempre volta. O lado bom da vida chegar em casa e ser recebido com um sorriso, dividir o último pedaço de pizza e às vezes o controle do vídeo game. É o lado do sofá que ficou com o cheiro da pessoa que já foi, mas permanece viva na sua memória, e no cheiro do sofá, e na camisa que ela usou o dia inteiro. O lado bom da vida é aquele do lado de lá da praça onde vocês tomaram chuva juntos pela primeira vez e dançaram no ritmo das gotas que molhavam seus pés. É chegar em casa com uma peça de roupa a mais ou a menos e ter que explicar para a mãe o que foi que aconteceu nas últimas horas. O lado bom da vida é do lado da janela para ver se lá fora anda tão ensolarado quanto aqui dentro. É aquele dia nublado onde nuvens dançam sob seus pés. É aquele perfume que gruda na alma e de tempos em tempos se faz presente na memória e você deseja que o responsável esteja do seu lado para que você possa abraçá-lo e guardar mais fundo ainda aquele momento a fim de revivê-lo uma vez ou duas, ou um milhão. O lado bom da vida é saber que a semana já está na metade e sexta já será tarde para dizer até mês que vem, porque mês que vem já chegou na sexta-feira.

2 Comentários